sexta-feira, 21 de setembro de 2018

Raúl, o Útimo Porteiro...

... é o título do livro de Carlos Colaço que será lançado hoje na Biblioteca Orlando Ribeiro (ver convite), pelas 19 horas. A apresentação está a cargo do escritor Gonçalo M. Tavares. 


quarta-feira, 22 de agosto de 2018

Descupai, Senhor, os que não sabem o que dizem


O nuclear, para o Eng. Carlos Pimenta,  simboliza o mal levado ao extremo da sociedade industrial”, vive “sob o segredo e a mentira”.

PÚBLICO, P2, 22.Agosto.2018

terça-feira, 21 de agosto de 2018

Celibato e pedofilia


São antigos, constantes e persistentes os casos de pedofilia praticados por membros do clero. O Papa Francisco tem falado frequentemente desta vergonha e escreveu agora uma carta sobre os abusos sexuais na igreja católica (ver aqui e aqui).


A meu ver, este gravíssimo problema poderia ser (pelo menos) atenuado se o celibato dos padres passasse de obrigatório a facultativo. Não é verdade que, ao longo dos séculos, a Igreja tem alterado regras que se revelaram insustentáveis? Por que não mais esta? Enquanto não for dado este passo, a pedofilia no seio da igreja católica manter-se-á! Pedir desculpas não resolve o problema, nem elimina o sofrimento das pessoas que passaram por esta provação.


Adendas

Não podemos andar eternamente a pedir desculpas. É preciso acabar de vez com este equívoco que é o celibato obrigatório dos padres”. 
Anselmo Borges (padre, professor e ensaísta português)
PÚBLICO, 22.Agosto.2018


Uma Igreja séria avaliaria o impacto do celibato no comportamento dos padres abusadores e tiraria daí consequências.
João Miguel Tavares 
PÚBLICO, 25.Agosto.2018